06 dezembro 2005

O «golo» anulado ao União de Leiria no jogo contra o Sporting também não entrou...

No Super-Mário, Cavaco e Santana, por João Pinto e Castro: «Em conclusão: se Cavaco fosse Presidente, Santana ainda hoje permaneceria à frente do Governo. É este, ao que parece, o significado da expressão "candidato supra-partidário"». Também no Super-Mário, Contradições, por Vital Moreira: «Perguntado sobre se teria convocado eleições para pôr fim ao governo Santana Lopes, como fez Jorge Sampaio, Cavaco Silva furtou-se a responder concretamente». O João Pinto e Castro tem a certeza que a sua televisão não estava ligada na TVI? Os comentários aos debates de Cavaco fazem-me lembrar algumas análises aos jogos, onde certos opinion makers são capazes de jurar que não foi «golo», mesmo que a bola tenha visivelmente entrado pela baliza dentro... Rodrigo Adão da Fonseca

Sem comentários: