01 dezembro 2005

As desvantagens de não saber Economia...

Fiquei surpreendido por ninguém ter, nestes dias, explorado uma das afirmações mais infelizes de Mário Soares em toda a campanha, reproduzida aliás em vários órgãos de comunicação social: " Não gostei muito que privatizassem as pousadas ", porque as " pousadas nacionais foram criadas não para dar lucro, mas para dar estímulo ao turismo nacional ", afirmou Mário Soares. Já agora, saberá Mário Soares: a) que as Pousadas de Portugal não foram privatizadas, mas que a sua exploração foi concedida por vinte anos? Ou seja, que o que temos é uma concessão, e não uma privatização? b) que a ENATUR - entidade que antes explorava as Pousadas - acumulou prejuízos ao longo da sua gestão pública; logo, que a sua má performance teve de ser paga pelos portugueses? c) que o Grupo Pestana criou melhores condições de acesso às Pousadas antes inexistentes (cartões-cliente com acesso a rent-a-car, last minute a preços competitivos, descontos para jovens e idosos); e que está a alargar o conceito das Pousadas a marcos da portugalidade existentes em países de língua oficial portuguesa, num projecto inovador e de grande interesse cultural, do Brasil, a África, a Timor? d) que há hoje mais pessoas a beneficiarem do acesso às Pousadas - as taxas de ocupação têm vindo sucessivamente a crescer - e que os preços cobrados estão cada vez mais competitivos,? Será que em Portugal só sabemos valorizar o que dá prejuízo? Pode o Dr. Mário Soares explicar qual é o problema das Pousadas de Portugal estarem a gerar lucros? E não estarão a gerar lucros, porque finalmente estão a cumprir a sua finalidade? Será que prefere o candidato presidencial o modelo anterior - público - onde as Pousadas eram um ónus para os contribuintes, e nem sequer estavam adequadamente rentabilizadas, ao serviço do seus clientes?

(Alternativas ao lucro para dar estímulo ao turismo nacional)

E, já agora, as empresas de turismo que lucram, não será porque estimulam o turismo nacional? Pode o Dr Mário Soares explicar onde está a contradição entre lucro e o estímulo do turismo?

Porque é que para certos políticos ter lucro é pior do que ter sarna? Pois é, eventualmente não será assim tão despropositado ter um Presidente que saiba um pouco mais de Economia do que o Dr. Mário Soares. Rodrigo Adão da Fonseca

Sem comentários: