09 novembro 2006

Se não subsidias és inculto, não vives com arte

Escreve a JAD no Bichos Carpinteiros:
"One can exist without art, but one cannot live without it"- novo aforismo de Oscar Wilde, descoberto nos EUA - no Guardian de ontem.
Deduzo então que o amor à arte e a cultura se medem, não pelos hábitos de leitura, pela capacidade de apreciar e apreender a pintura, a escultura, a fotografia, o cinema ou o teatro. Para ser culto, viver com arte, é preciso ser mãos largas e pouco criterioso com o dinheirito dos contribuintes. Seria interessante assitir a um debate entre Fernando Gomes, Nuno Cardoso e Rui Rio e medir o grau de evolução cultural de cada um. Podia participar também o rapazito do BE, o Teixeira Lopes, como special guest. A JAD e outros seriam capazes de ter uma - desagradável - surpresa. Rodrigo Adão da Fonseca

Sem comentários: