01 março 2007

Blue Lounge recomenda

O artigo de hoje do Luciano Amaral, no DN:
(...) Depois de desfeito o mito comunista, há quase 20 anos, e agora que começa a desfazer-se o mito social-democrata, pouco mais resta do que os tiques e as manias. Há, evidentemente, ainda o milenarismo meteorológico. (...) Agora, apenas se oferece um futuro de harmonia com árvores e passarinhos, sem promessas sobre se os homens serão então mais iguais ou mais ricos. (...) Mas sem isto, restam os tais tiques e manias: o tique de execrar a sociedade ocidental e a mania de abominar a América (afinal, a sociedade ocidental predominante e mais bem sucedida). A esquerda hoje não gosta muito do que existe, mas também não oferece um horizonte ulterior. Claro que ela seria bastante mais útil e interessante caso se reconciliasse de vez com a sociedade ocidental. Mas, se o fizesse, será que seria ainda esquerda? (...)
Rodrigo Adão da Fonseca

Sem comentários: