04 maio 2007

Sobre a demissão de Carmona Rodrigues

Carmona Rodrigues já se devia ter demitido há séculos. Quando se adensam dúvidas sobre a lisura do comportamento de uma edilidade, em que dois dos principais vereadores - aqueles que eram mais próximos do presidente da câmara - suspendem o mandato em virtude de graves acusações, deixam de existir condições políticas para prosseguir. Em qualquer caso, para mim está também no perímetro da crítica Marques Mendes, que não foi capaz de resistir à tentação de 'roer' publicamente 'a corda' a Carmona, em vez de o forçar a demitir-se, longe das câmaras. O processo 'Bragaparques' parece estar a ter um efeito 'bola de neve'. Vamos ver se não enrola também mais ninguém, sobretudo os habituais arautos da 'moral pública'. Posso estar a ser injusto mas, não sei porquê, há algo ali que não me cheira bem, fico com a sensação que o leque de abrangidos pode não ficar por aqui. Rodrigo Adão da Fonseca

Sem comentários: