31 março 2008

Visita a Serralves

Ontem fui a Serralves rever a exposição de Rauschenberg (encerra hoje, e não é todos os dias que temos "Rauschenbergs" a cinco minutos de casa); aproveitei e visitei as duas novas que por lá andam: uma, que mostra um lado menos conhecido (pelo menos para mim) de Júlio Pomar, e uma outra, antológica de Manuel Alvess, artista que é uma surpresa (nunca tinha ouvido falar dele, talvez porque desde os anos 80 que aparentemente vive arredado das mostra públicas, por opção própria). O Museu e os jardins estavam cheios, de gente e de vida. Agora que está a regressar o bom tempo, recomenda-se uma visita a Serralves.

Rodrigo Adão da Fonseca

Sem comentários: